Em outubro de 2021, o número de pessoas gravemente deficientes registadas como desempregadas diminuiu mais de 3.000 em comparação com o mês anterior, atingindo 166.405 pessoas. No entanto, a comparação com Outubro de 2019, ou seja, antes do início da pandemia de corona, mostra claramente a necessidade de Acção. Em outubro de 2019, de acordo com a Agência Federal de emprego, havia quase 13.000 pessoas com deficiência grave registradas como desempregadas, com 153.590 menos registradas.

É igualmente necessária uma acção no que se refere à percentagem de desempregados com deficiência grave no número total de desempregados registados. Enquanto a participação tinha entretanto caído para 6,1 por cento durante a pandemia, este valor agora mostra uma participação de 7,0 por cento novamente, ou seja, o mesmo que em outubro de 2019.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.